© 2017 por IIAAP                                                                                                                                       Política de Privacidade

February 12, 2018

February 9, 2018

January 28, 2018

January 21, 2018

January 20, 2018

January 19, 2018

Please reload

Recent Posts

Posições versus Interesses

March 4, 2018

1/10
Please reload

Featured Posts

Despir a camisola

August 25, 2017

Há uma expressão muito usada no meio empresarial e que todos conhecemos – “Vestir a camisola”.

Vestir a camisola significa empenharmo-nos incondicionalmente numa causa, numa tarefa ou num projecto (dicionário Priberam).

 

Só o facto de ser necessário pedir isso a alguém já é em si algo preocupante. Não deveria já estar motivado para se empenhar no seu trabalho, na sua missão?
Aliás, o “incondicionalmente” é até uma desconsideração por quem é uma pessoa com carácter e equilibrada.

Porque motivo será necessário pedir tal coisa?

Será que a pessoa não está suficientemente esclarecida quanto à sua missão na empresa? Em que medida é que o seu papel contribuirá para o bem colectivo? E qual é o bem colectivo? Se esse propósito for claro para todos, será que essa pessoa se identificará com ele e com os valores que apoiam o caminho para esse bem colectivo? E esses valores serão respeitados por todos? E o que ganhará ele com o seu empenho incondicional?

No futebol vê-se frequentemente os jogadores despirem a camisola no momento em que festejam o golo. Porque o fazem? Será que querem demarcar-se da equipa precisamente no momento que deveriam festejar em conjunto? Chegam mesmo a fugir do grupo.
Parece ser uma necessidade de afirmação pessoal em detrimento do colectivo. A necessidade de dizerem que fui EU o goleador.

 

Também nas empresas isso acontece. Depois de atingido um determinado objectivo há quem diga que fui EU que consegui, incluindo aqueles que a dada altura pediram a todos que “vestissem a camisola”. Pois, precisamente no momento da comemoração eles também “despem a camisola”.

Há outras formas de inspirar as pessoas a cumprirem com entusiasmo a sua missão. E as pessoas não precisam de abdicar de si próprias e das restantes dimensões da sua vida para se empenharem.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Follow Us
Please reload

Search By Tags
Please reload

Archive
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square